Notícias

PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO PARTICIPAM DO PROCESSO DE CAPACITAÇÃO DO PROGRAMA CULTURA EMPREENDEDORA, REALIZADO PELO SEBRAE

21-07-2018

No dia 16 de julho de 2018, iniciou o Processo de Capacitação do Programa Cultura Empreendedora no Município de Pai Pedro. Trinta profissionais que integram a área da Educação estão recebendo dos SEBRAE o Curso “JOVENS EMPREENDEDORES PRIMEIROS PASSOS (JEPP)”, dentre eles estão: Diretora, Supervisores e Professores, da Escola Municipal Adolfo Rodrigues Gomes, da comunidade de Tabua II, o curso terá duração de 24 horas, dividido em três dias.

A cerimônia de abertura contou com a presença da Secretária Municipal de Educação Ivete Rodrigues, do Agente de Desenvolvimento Romilson Rodrigues e do Assistente do Sebrae Leonardo Alves, onde o mesmo discursou sobre o programa, falando sobre a importância e dos resultados que serão obtidos ao longo do processo.

 

A proposta de Educação Empreendedora do Sebrae.

 

O Programa Nacional de Educação Empreendedora promove o desenvolvimento de competências empreendedoras e a inserção sustentada no mundo do trabalho. A Educação Empreendedora propõe a ruptura de um modelo de prática educacional que privilegia a transmissão estática e a crítica de dados e informações sem estimular reflexões ou a aplicação dos saberes na forma de ações transformadoras. Embora exista uma variedade de conceitos, teorias e interpretações relacionadas ao tema, de maneira geral o Programa Nacional de Educação Empreendedora do Sebrae compreende que ela prioriza o equilíbrio entre o “querer fazer” e o “reunir as condições para poder realizá-lo”. Na Educação Empreendedora, não basta ensinar conteúdos técnicos ou apresentar ao estudante os muitos dilemas e desafios de nossa sociedade, estimulando-o a pensar caminhos de mudança. É necessário, efetivamente, capacitá-lo a construir esses caminhos por meio de ações concretas e tecnicamente embasadas que tenham efetiva capacidade transformadora e, sobretudo, o levem a aliar a teoria à prática. Assim, a Educação Empreendedora é aquela que ajuda o estudante a enxergar e avaliar determinada situação, assumindo uma posição proativa frente a ela, capacitando-o a elaborar e planejar formas e estratégias de interagir com aquilo que ele passou a perceber. A Educação Empreendedora é também o cerne e o principal vetor do desenvolvimento dos países e regiões que aspiram ver seus jovens se tornarem grandes empreendedores. No Brasil, para pensá-la, é importante levar em consideração o quão diversificado e cultural é o tema. Por envolver pessoas e saberes, a questão é extremamente dinâmica, especialmente devido às ricas e extremamente importantes diversidades regionais e as múltiplas nuances culturais. Todos esses fatores possibilitam que o empreendedorismo se manifeste de forma singular em cada região e cidade, influenciado que é pela herança cultural, pelas vivências, as historicidades, pelas realidades econômicas e sociais absolutamente únicas de cada “pedaço de chão” (com seus “cheiros”, sabores, cores e gentes) que ajuda a formar o nosso país. A Educação Empreendedora é, por fim, o fortalecimento da crença em um futuro melhor, em que cada um é capaz de construir e empreender. E para criar um ambiente propício à cultura empreendedora, são necessários professores empreendedores: que sonhem e que estimulem sonhos em seus alunos. Isso requer dedicação, vontade de fazer diferente, buscar desenvolver autonomia em si e nos estudantes. Os professores são protagonistas nessa transformação.

 

 

SALA MINEIRA DO EMPREENDEDOR DE PAI PEDRO, EM PARCERIA COM O SEBRAE, REALIZA DIAGNÓSTICO DE GESTÃO COM EMPRESÁRIOS DO MUNICÍPIO

26-06-2018

Nos dias 25 e 26 de junho, a Sala Mineira do Empreendedor de Pai Pedro, juntamente com a Consultora Juliana Sabrina do Sebrae, realizou o atendimento a 15 empresas na cidades de Pai Pedro, sendo 12 MEI’S e 3 ME’S, os empresários receberam um diagnóstico para ajudar a melhorar e desenvolver a gestão em seu negócio, graças a Sala Mineira do Empreendedor, a formalização no município teve um grande crescimento nos últimos meses, pode-se contar nos dedos os comércios informais no município, mas a luta não para, a meta é atingir 100% de formalização fazendo com que as pessoas cresçam e desenvolvam seu negócio.

 

 

SECRETARIA DE SAÚDE REALIZA SEMANA DO BEBÊ

14-06-2018

Secretaria de saúde realiza um evento festivo, a Semana do Bebê e busca mobilizar toda a população paipedrense, reunir os esforços dos adultos, sejam profissionais do poder público ou familiares; em torno da garantia dos direitos das crianças.

Uma simples comemoração abre possibilidades de alcançarmos resultado extremamente positivos como o aumento das coberturas do pré-natal e vacinal, maior busca por mais informações referente a saúde da família, a melhoria na qualidade do atendimento dos profissionais da saúde e da educação, a consciência da importância da amamentação e do desenvolvimento saudável das nossas crianças.

 

 

PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO PARTICIPAM DO PROCESSO DE CAPACITAÇÃO DO PROGRAMA CULTURA EMPRENDEDORA, REALIZADO PELO SEBRAE

09-05-2018

No dia 09 de maio de 2018, iniciou o Processo de Capacitação do Programa Cultura Empreendedora no Município de Pai Pedro. Trinta profissionais que integram a área da Educação estão recebendo dos SEBRAE o Curso “JOVENS EMPREENDEDORES PRIMEIROS PASSOS (JEPP)”, dentre eles estão: Diretora, Supervisores, Professores e Nutricionista, o curso que está sendo realizado na Escola Municipal Juscelino Kubitschek terá duração de 24 horas, dividido em três dias.

A cerimônia de abertura contou com a presença do Prefeito Eujácio Rodrigues, da Secretária Municipal de Educação Ivete Rodrigues, do Agente de Desenvolvimento Romilson Rodrigues e do Técnico Analista do Sebrae Jadilson Borges, onde o mesmo discursou sobre o programa, falando sobre a importância e dos resultados que serão obtidos ao longo do processo.

 

A proposta de Educação Empreendedora do Sebrae.

 

O Programa Nacional de Educação Empreendedora promove o desenvolvimento de competências empreendedoras e a inserção sustentada no mundo do trabalho. A Educação Empreendedora propõe a ruptura de um modelo de prática educacional que privilegia a transmissão estática e a crítica de dados e informações sem estimular reflexões ou a aplicação dos saberes na forma de ações transformadoras. Embora exista uma variedade de conceitos, teorias e interpretações relacionadas ao tema, de maneira geral o Programa Nacional de Educação Empreendedora do Sebrae compreende que ela prioriza o equilíbrio entre o “querer fazer” e o “reunir as condições para poder realizá-lo”. Na Educação Empreendedora, não basta ensinar conteúdos técnicos ou apresentar ao estudante os muitos dilemas e desafios de nossa sociedade, estimulando-o a pensar caminhos de mudança. É necessário, efetivamente, capacitá-lo a construir esses caminhos por meio de ações concretas e tecnicamente embasadas que tenham efetiva capacidade transformadora e, sobretudo, o levem a aliar a teoria à prática. Assim, a Educação Empreendedora é aquela que ajuda o estudante a enxergar e avaliar determinada situação, assumindo uma posição proativa frente a ela, capacitando-o a elaborar e planejar formas e estratégias de interagir com aquilo que ele passou a perceber. A Educação Empreendedora é também o cerne e o principal vetor do desenvolvimento dos países e regiões que aspiram ver seus jovens se tornarem grandes empreendedores. No Brasil, para pensá-la, é importante levar em consideração o quão diversificado e cultural é o tema. Por envolver pessoas e saberes, a questão é extremamente dinâmica, especialmente devido às ricas e extremamente importantes diversidades regionais e as múltiplas nuances culturais. Todos esses fatores possibilitam que o empreendedorismo se manifeste de forma singular em cada região e cidade, influenciado que é pela herança cultural, pelas vivências, as historicidades, pelas realidades econômicas e sociais absolutamente únicas de cada “pedaço de chão” (com seus “cheiros”, sabores, cores e gentes) que ajuda a formar o nosso país. A Educação Empreendedora é, por fim, o fortalecimento da crença em um futuro melhor, em que cada um é capaz de construir e empreender. E para criar um ambiente propício à cultura empreendedora, são necessários professores empreendedores: que sonhem e que estimulem sonhos em seus alunos. Isso requer dedicação, vontade de fazer diferente, buscar desenvolver autonomia em si e nos estudantes. Os professores são protagonistas nessa transformação.

 

PAA- PROGRAMA DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS

17-04-2018

A prefeitura municipal de Pai Pedro iniciou em fevereiro dia 19 de 2018 ás atividades do programa da agricultura familiar o programa PAA (programa de aquisição de alimentos), onde conta com a parceria do MDSA (ministério do desenvolvimento social e agrário), seda (secretaria de estado de desenvolvimento agrário de minas gerais) e Emater-MG (empresa de assistência técnica e extensão rural do estado de minas gerais).

Através deste programa, 28 agricultores estão participando com a venda dos seus produtos que são cultivados em suas próprias áreas rurais.

Sendo assim este programa com a parceria dos órgãos citados acima, faz com que gerem mais renda familiar para cada agricultor que participe do programa onde neste período já foram comprados mais de 35 mil reais dos produtos cultivados por estes agricultores.

Os produtos comprados são doados simultaneamente para entidades que foram cadastradas e que se enquadravam nos quesitos exigidos pelo programa, entidades como: escolas municipais, escolas estaduais, creches, cooperativas e crás.

Desta forma o agricultor acaba tendo uma renda extra, o município acaba sendo beneficiado com o programa, gerando renda e economia ao mesmo tempo.

 

Página 1 de 221234...1020...Última »
© 2016. Prefeitura Municipal de Pai Pedro - Todos os direitos reservados. Fone: (38) 3831-8104 - Desenvolvido por Olímpio Comunicação